Associação Profissional dos Contabilistas de Lins

Previdência vai trazer economia de R$ 1 trilhão e deve ser aprovada dentro de 5 meses, diz Paulo Guedes

maisCotações e Índices

Moedas - 23/08/2019 13:22:40
  • Nome
  • Compra
  • Venda
  • Comercial
  • 4,112
  • 4,113
  • Paralelo
  • 4,050
  • 4,250
  • Turismo
  • 4,090
  • 4,330
  • Euro
  • 4,576
  • 4,578
  • Iene
  • 0,039
  • 0,039
  • Franco
  • 4,211
  • 4,211
  • Libra
  • 5,031
  • 5,034
  • Ouro
  • 195,060
  •  
Mensal - 22/07/2019
  • Índices
  • Mai
  • Jun
  • Inpc/Ibge
  • 0,15
  • 0,01
  • Ipc/Fipe
  • -0,02
  • 0,15
  • Ipc/Fgv
  • 0,22
  • -0,02
  • Igp-m/Fgv
  • 0,45
  • 0,80
  • Igp-di/Fgv
  • 0,40
  • 0,63
  • Selic
  • 0,54
  • 0,47
  • Poupança
  • 0,50
  • 0,50
  • TJLP
  • 0,59
  • 0,59
  • TR
  • -
  • -

maisObrigações Tributárias do Dia

  • 30/Agosto/2019
  • IOF | Imposto sobre Operações Financeiras.
  • COFINS/PIS-PASEP | Retenção na Fonte – Autopeças.
  • IRPJ/CSL | Imposto de Renda Pessoa Jurídica e da Contribuição Social sobre o Lucro | Apuração mensal.
  • IRPJ | Imposto de Renda Pessoa Jurídica | Renda variável.
  • IRPJ/Simples Nacional | Ganho de Capital na alienação de Ativos.
  • IRPF | Imposto de Renda Pessoa Física.
  • REFIS/PAES | Programa de Recuperação Fiscal.
  • REFIS | Programa de Recuperação Fiscal.
  • Previdência Social (INSS) | Programa de Modernização da Gestão e de Responsabilidade Fiscal do Futebol Brasileiro | Profut || Parcelamento de débitos junto à RFB e à PGFN.
  • Previdência Social (INSS) | Programa de Recuperação Previdenciária dos Empregadores Domésticos - Redom (Parcelamento de débitos em nome do empregado e do empregador domésticos junto à PGFN e à RFB).
  • DOI | Declaração de Operações Imobiliárias.
  • DME | Declaração de Operações Liquidadas com Moeda em Espécie.
  • IRPF - Imposto de Renda sobre a Pessoa Física.
  • IRRF - Fundos de Investimento Imobiliário.
  • e-Financeira.
  • Decred | Declaração de Operações com Cartões de Crédito.
O que você achou do nosso novo site?
Ótimo
Bom
Regular

O ministro da Economia, Paulo Guedes, reforçou nesta segunda-feira (11), em entrevista concedida ao jornal Financial Times, que a reforma da Previdência a ser apresentada pelo governo Jair Bolsonaro ao Congresso pretende economizar R$ 1 trilhão em 10 anos. A reforma, segundo Guedes, deve ser aprovada "dentro de cinco meses".

De acordo com o ministro, a versão final da reforma da Previdência chegará ao Congresso "assim que o presidente se levantar da cama". Nesta segunda-feira, Bolsonaro recebeu alta da unidade semi-intensiva e foi transferido para apartamento do Hospital Albert Einstein. Em 28 de janeiro, o o presidente foi submetido a uma cirurgia para retirada da bolsa de colostomia.

Além da alteração na legislação previdenciária, o ministro sinalizou que pretende realizar uma reforma tributária e liderar um programa de privatização. "Estamos indo na direção de uma economia voltada para o mercado", afirmou Guedes para o Financial Times.

O jornal lista uma série de desafios para Paulo Guedes. Segundo a publicação, o ministro terá de lidar com um grande déficit fiscal, aumento da dívida pública, 12 milhões de desempregados, além de liderar uma economia de baixa produtividade e que apresenta uma recuperação econômica "anêmica".

“No entanto, as contas externas estão amplamente equilibradas e as reservas externas estão em US$ 377 bilhões”, disse o Financial Times.

Apoio do Congresso
O Financial Times destaca ainda que o governo precisará de um amplo apoio do Congresso para aprovar a reforma da Previdência. "A recente eleição do aliado Rodrigo Maia como presidente da Câmara, necessária para reunir a coalizão entre os 30 partidos do Congresso, deve melhorar as chances de aprovação", disse a publicação.

Fonte: G1 Globo | 12/02/2019

Site desenvolvido pela TBrWeb (XHTML / CSS)
Associação Profissional dos Contabilistas de Lins  |  Rua Floriano Peixoto, n° 1.093 - Centro - Lins, SP | CEP 16.400-101
Fone 14. 3513-0114