Associação Profissional dos Contabilistas de Lins

Cientistas criam nova fonte para melhorar a memória

maisCotações e Índices

Moedas - 18/04/2019 15:58:52
  • Nome
  • Compra
  • Venda
  • Comercial
  • 3,911
  • 3,911
  • Paralelo
  • 3,890
  • 4,110
  • Turismo
  • 3,760
  • 4,080
  • Euro
  • 4,392
  • 4,393
  • Iene
  • 0,035
  • 0,035
  • Franco
  • 3,853
  • 3,852
  • Libra
  • 5,088
  • 5,091
  • Ouro
  • 160,500
  •  
Mensal - 14/02/2019
  • Índices
  • Dez
  • Jan
  • Inpc/Ibge
  • 0,14
  • 0,36
  • Ipc/Fipe
  • 0,09
  • 0,58
  • Ipc/Fgv
  • 0,21
  • 0,57
  • Igp-m/Fgv
  • -0,49
  • 0,01
  • Igp-di/Fgv
  • -0,45
  • 0,07
  • Selic
  • 0,49
  • 0,54
  • Poupança
  • 0,50
  • 0,50
  • TJLP
  • 0,56
  • -
  • TR
  • -
  • -

maisObrigações Tributárias do Dia

  • 20/Abril/2019
  • EFD - Contribuintes do IPI | Pernambuco e Distrito Federal
O que você achou do nosso novo site?
Ótimo
Bom
Regular

Sabe quando você lê cinco vezes o mesmo parágrafo até finalmente conseguir entender e lembrar as informações, e às vezes nem assim a mensagem consegue se fixar? Quem faz parte do mundo acadêmico sabe muito bem qual é a sensação.

Não à toa, foi de um grupo de pesquisadores universitários da Escola de Design RMIT, da Austrália, que surgiu uma ideia para acabar com este tipo de sofrimento: uma nova fonte, que pode ser aplicada em diferentes tipos de textos, tendo como único objetivo o de fazer com que você realmente lembre de tudo o que leu.

Nela, foram aplicados princípios de psicologia cognitiva para criar um efeito chamado de "dificuldade desejável", que consiste em tornar a fonte mais difícil de ler. É isso mesmo que você leu. Ao remover "pedaços" de cada caractere da fonte, os especialistas esperam fazer com que o leitor precise se esforçar para entender e, por isso, lembre melhor de cada trecho que leu.

"A Sans Forgetica foi a melhor em impulsionar a memória porque quebrou apenas o suficiente os princípios do design sem se tornar muito ilegível", disse a dra. Jo Peryman, chefe do laboratório de Comportamento de Negócios do RMIT.

O time envolvido na pesquisa sugere inclusive que a fonte deve ser aproveitada para além dos intermináveis textos acadêmicos. Uma lista de mercado, datas importantes, detalhes fundamentais de uma apresentação no trabalho? Tudo isso pode ser impulsionado com o uso da fonte, de acordo com eles.

A Sans Forgetica já está disponível no site da própria universidade para quem quiser fazer download e instalar em seu computador ou mesmo para usar como extensão do navegador.

Fonte: Tecmundo | 04/10/2018

Site desenvolvido pela TBrWeb (XHTML / CSS)
Associação Profissional dos Contabilistas de Lins  |  Rua Floriano Peixoto, n° 1.093 - Centro - Lins, SP | CEP 16.400-101
Fone 14. 3513-0114