Associação Profissional dos Contabilistas de Lins

Indústria automobilística dá sinais de recuperação com modernização trabalhista

maisCotações e Índices

Moedas - 13/12/2018 16:08:28
  • Nome
  • Compra
  • Venda
  • Comercial
  • 3,883
  • 3,884
  • Paralelo
  • 3,870
  • 4,070
  • Turismo
  • 3,730
  • 4,040
  • Euro
  • 4,409
  • 4,412
  • Iene
  • 0,034
  • 0,034
  • Franco
  • 3,907
  • 3,907
  • Libra
  • 4,903
  • 4,906
  • Ouro
  • 153,830
  •  
Mensal - 06/12/2018
  • Índices
  • Set
  • Out
  • Inpc/Ibge
  • 0,21
  • 0,40
  • Ipc/Fipe
  • 0,39
  • 0,48
  • Ipc/Fgv
  • 0,34
  • 0,48
  • Igp-m/Fgv
  • 1,52
  • 0,89
  • Igp-di/Fgv
  • -
  • 0,26
  • Selic
  • 0,47
  • 0,54
  • Poupança
  • 0,50
  • 0,50
  • TJLP
  • 0,55
  • 0,55
  • TR
  • -
  • -

maisObrigações Tributárias do Dia

  • 13/Dezembro/2018
  • IOF | Imposto sobre Operações Financeiras.
  • IRRF | Imposto de Renda Retido na Fonte.
O que você achou do nosso novo site?
Ótimo
Bom
Regular

“Ao abraçar as reformas, o Brasil está novamente entrando nos trilhos”, afirma o ministro Ronaldo Nogueira

A modernização trabalhista começa a demonstrar eficácia na recuperação econômica e geração de empregos no país. A partir das mudanças nas relações de trabalho e das perspectivas de segurança jurídica geradas pela modernização, a General Motors (GM) anunciou nesta segunda-feira (11) a abertura de um terceiro turno de trabalho no Complexo Industrial de Gravataí (RS). A ampliação do expediente na fábrica resultará na criação de 700 novos postos de trabalho.

“Esse anúncio da GM mostra que todo o trabalho que tivemos debatendo a modernização com trabalhadores e empregadores e defendendo as mudanças no Congresso Nacional valeu a pena”, afirma o ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira. “O governo tomou uma decisão corajosa e acertada ao abraçar as reformas que irão colocar o país novamente nos trilhos. Temos orgulho do que estamos realizando. Os trabalhadores já começam a sentir os resultados. A modernização da legislação trabalhista não atualizou a CLT; atualizou o Brasil”, enfatiza o ministro.

A ampliação da produção na GM é resultado do investimento de R$ 1,4 bilhão aplicado no desenvolvimento de novas tecnologias, produção de novos veículos e introdução de conceitos inovadores de manufatura. Por meio de um documento ao Ministério do Trabalho, a direção da companhia destacou seu apoio à agenda de reformas do governo federal e reiterou a confiança no país.

A empresa está presente no Brasil há 92 anos e é responsável pela geração de mais de 16 mil empregos. Além dos complexos industriais, a GM possui unidades em Mogi das Cruzes, Sorocaba e Indaiatuba, em São Paulo, e em Joinville (SC). Conta ainda com um Centro Tecnológico em São Caetano do Sul (SP).

Ministério do Trabalho
Assessoria de Imprensa
Jivago Cavalcanti
imprensa@mte.gov.br
(61) 2021-5449 / 5873

Supervisão ASCOM
Jorn. Eliana Camejo
eliana.camejo@mte.gov.br
(61) 99213-1667

fonte: trabalho.gov.br

Site desenvolvido pela TBrWeb (XHTML / CSS)
Associação Profissional dos Contabilistas de Lins  |  Rua Floriano Peixoto, n° 1.093 - Centro - Lins, SP | CEP 16.400-101
Fone 14. 3513-0114